Hoje é 19 de Julho de 2018
 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 
SESI e SENAI realizam ação articulada para promover a educação
Em: 13/02/2009 às 08:15h por Unecom - Sistema FIEMT

Foto

Formar cidadãos e ampliar a inserção no mercado de trabalho. A partir dessa proposta, o Serviço Social da Indústria (Sesi-MT) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai-MT) criaram o projeto Ebep - Educação Básica com Educação Profissional, uma ação articulada entre as entidades, que visa oferecer gratuitamente a capacitação a partir de cursos integrados. Destinado às pessoas de baixa renda, com idade entre 18 e 23 anos, o projeto atenderá a demanda por qualificação de jovens aprendizes para as indústrias mato-grossenses. Inicialmente, serão oferecidas 50 vagas gratuitas.

O projeto ocorrerá em dois períodos, divididos entre as aulas no Sesiescola e Senai em Várzea Grande. Na Educação Básica, o aluno poderá elevar sua escolaridade cursando a 7ª e 8ª série do Ensino Fundamental, na modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA) do Sesi-MT. Para complementar a qualificação, o Senai-MT oferecerá a Educação Profissional, na modalidade de Aprendizagem Industrial Básica, com os cursos Eletricista de Manutenção e Mecânico de Manutenção. Os aprendizes receberão um kit composto de material didático e uniforme, além de almoço.

"Trata-se da primeira ação conjunta na área da Educação entre Sesi e Senai no Estado, no sentido de, mais do que capacitar, formar cidadãos", afirma o diretor regional do Senai-MT, Gilberto Gomes de Figueiredo. Segundo ele, o aluno sai do projeto com uma formação integral e a preparação necessária para desempenhar seu trabalho. O diretor do Senai-MT afirma ainda que, para as empresas, a contratação de um jovem aprendiz tem vantagens significativas. "O profissional é qualificado dentro da empresa, evitando vícios e diminuindo o turn over (rotatividade de pessoal)".

A carga horária do Ebep será de 1.200 horas na Educação Básica, sendo 600h presenciais e 600h não presenciais, e 1.200 horas na Educação Profissional, sendo 800h no ambiente do Senai e 400h de prática na indústria. A gerente de Operações do Sesi-MT, Ana Cristina Azevedo, explica que o Ebep faz parte do plano estratégico do Sistema Indústria em todo o país. "Para o Sesi-MT, é uma grande satisfação trabalhar em conjunto com o Senai-MT neste projeto pioneiro no Estado. A soma de esforços certamente trará inúmeros benefícios para o setor industrial e para a comunidade".

EMPRESAS - A primeira etapa do projeto visa atender a demanda de empresas contribuintes do Sistema Federação das Indústrias no Estado de Mato Grosso (Sistema Fiemt). A indicação dos alunos é feita pela própria indústria e o candidato deve atender pré-requisitos como idade mínima de 18 anos e 6ª série do Ensino Fundamental completo, entre outros. As empresas interessadas devem procurar o Sesi ou o Senai. As aulas terão início em março. Informações pelos telefones (65) 3685-2311 e 3685-1200.

 

Imprimir   Enviar por e-mail  

Recomendar no Facebook

 

Sistema FIEMT / SESI-MT - Serviço Social da Indústria
Avenida Historiador Rubens de Mendonça, 4.193 - Centro Político Administrativo
Cuiabá - MT / CEP 78049-940 | Fone: (65) 3611-1500 / 3611-1555